top of page

Uso de máscaras deixa de ser obrigatório no Piauí, decide COE

O Comitê de Operações Emergenciais do Piauí (COE) se reuniu, durante toda a tarde desta quarta-feira (11), e decidiu por desobrigar o uso de máscaras em ambientes fechados, abertos e semiabertos no Estado. O Comitê levou em consideração os últimos dados da covid-19, que apontam estabilidade no número de casos e queda em óbitos no Piauí. A orientação é manter os cuidados com a higienização das mãos e atualizar o ciclo vacinal contra a doença.


A decisão foi baseada nos últimos números do Boletim Epidemiológico da Sesapi. Os dados trazem um cenário de estabilidade em relação à Covid no estado. O uso da máscara continua recomendado apenas para idosos com mais de 60 anos, imunossuprimidos e doentes crônicos.

O COE pede ainda que a população complete o ciclo vacinal contra a doença buscando os postos de vacinação. Para isso, quer ampliar o acesso às unidades de saúde, com foco na população economicamente ativa que trabalha em horário comercial e estabelecer parcerias intersetoriais para ampliar a cobertura vacinal das crianças e adolescentes.

Para o secretário Antonio Luiz, a vacinação é a solução para reduzir cada vez mais a contaminação, o número de hospitalizações e mortes pela doença. “A saída da pandemia passa pela vacina e, por isso, pedimos que a população procure os postos e atualize as doses para que se proteja e proteja as outras pessoas”, afirma o gestor.

O secretário enfatiza que a população não está proibida de usar máscara, muito pelo contrário. “Ela é uma proteção eficaz contra os vírus como o da Influenza e até as novas sub variantes da Covid, que estão em circulação no país”, conclui.

A portaria com as novas medidas será publicada ainda nesta quarta-feira (11) no Diário Oficial.



Fonte: Chamada Geral Parnaiba ; TvLitoralPiaui

bottom of page