top of page

Justiça Eleitoral suspende investigação contra deputado Jadyel Alencar

O vice-presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Piauí, desembargador José James Gomes Pereira decidiu favoravelmente ao pedido liminar formulado pela defesa do deputado federal Jadyel Alencar.


Jadyel Alencar, deputado federal.


A decisão do desembargador suspendeu o inquérito policial que apura se Domingos Carlos Ferreira da Silva, supostamente motorista do deputado, cometeu o crime de corrupção eleitoral, quando foi preso no dia 15 de setembro de 2022, com mais de R$ 24 mil em espécie, na BR 343, em Piripiri.

O habeas corpus impetrado pela defesa de Jadyel pedia que fosse reconhecida a incompetência do Juízo da 3ª Zona Eleitoral, em Parnaíba, com a anulação dos atos já praticados, e reconhecida a competência da 11ª Zona Eleitoral do município de Piripiri.

Para a defesa, o inquérito que corria no município de Parnaíba “acarretou constrangimento ilegal em virtude dos atos terem sido praticados por juízo incompetente.”

Ao Lupa1, o advogado Alexandre Lopes negou que Domingos Carlos Ferreira da Silva seja ou tenha sido motorista do Deputado Federal Jadyel Alencar e ainda que não houve crime, o que restará provado durante a instrução processual.


Veja o despacho que suspende a investigação;



Mikeias di Mattos; TvLitoralPiaui Paulo Limna






Comments


bottom of page