Hemopi faz campanha Bloquinho do Bem para incentivar doação de sangue após estoque crítico.


Segundo o diretor do Hemopi, as bolsas de de sangue de alguns tipos sanguíneos já estão bem reduzidas. Em contrapartida, os hospitais têm cada vez mais pessoas internadas precisando de sangue.

"Agora nesse mês de fevereiro nós estamos enfrentando um novo surto de Covid-19, inclusive com a variante, mesmo assim, ainda bem que temos uma grande população vacinada e que estamos em uma situação controlada. Contudo, o número de internações estão aumentando na rede hospitalar, somado as doenças respiratórias, muito comuns nesse período de chuva, e com isso acabamos precisando de uma quantidade de sangue ainda maior", explicou Jurandir.


O Hemopi necessitou também de doações específicas de tipos sanguíneos negativos, encontrados em pouca quantidade na população em relação aos outros tipos sanguíneos.

O diretor do centro, Jurandir Martins, reafirmou que qualquer pessoa pode doar independente do seu tipo sanguíneo. "Você é o tipo certo de alguém", é o que diz o slogan da instituição.

"Na verdade todo tipo de sangue é importante. Diuturnamente o Hemopi trabalha distribuindo sangue para a rede pública e privada, tanto de Teresina quanto no estado. A gente reconhece o tipo de sangue do grupo RH-, seja B-, AB-, O- ou A-, menos prevalente na população, ou seja, temos menos doadores de sangue dessa família. É importante lembrar que independente do seu tipo de sangue, seja positivo ou negativo, de qualquer um dos sistema ABO, é importante que você venha doar", reforçou.