Bebê de um ano e sete meses morre afogado em piscina da casa de tio, no Norte do Piauí

Conforme a polícia, a casa da piscina pertence ao tio da vitima e suas residências ficam anexas uma a outra.


Polícia Civil do Piauí — Foto: Polícia Civil do Piauí


O bebê Francisco Heliaby Alves Fontenele, de 1 ano e sete meses, morreu vítima de afogamento na piscina da casa de seu tio, na cidade de Cocal dos Alves, a 283 km de Teresina. O caso aconteceu, segundo a família, 7h desta quarta-feira (16), em um suposto momento de descuido.

De acordo com o delegado Renato Pinheiro, da Polícia Civil de Cocal, a morte, aparentemente, foi acidental, mas será investigada.


"Em princípio, não há fato criminoso a ser apurado. Mas a equipe de investigação comparecerá ao local e fará uma reconstituição do ocorrido”, disse o delegado.


  • Compartilhe esta notícia no WhatsApp

  • Compartilhe esta notícia no Telegram

Continua depois da publicidade.

que dava acesso à casa vizinha, de seu tio, estava aberto. Então, em um momento que ninguém percebeu, a vítima saiu da casa de sua avó, passou pelo portão aberto e acabou se afogando.

Segundo o delegado Renato, as casas são residências anexas, uma dá acesso a outra. E o portão, que fica sempre fechado. Segundo a família, pode ter sido aberto quando o tio da vitima, uma criança de 11 anos, passou por ele para pegar uma corda no estábulo na casa vizinha.

Um boletim de ocorrência foi registrado na Delegacia de Polícia Civil de Cocal e o delegado responsável já requisitou o exame pericial necroscópico.

Conforme a polícia, apesar de não ter indícios do crime, o caso está sendo investigado.


Por g1 PI

16/03/2022