Adolescente de 13 anos é estuprada pelo próprio pai na zona Norte de THE


Policiais militares do 9º Batalhão foram acionados para atender uma ocorrência de violência doméstica que aconteceu no bairro Itaperu, na zona Norte de Teresina. No local, a polícia se deparou com uma adolescente de apenas 13 anos denunciando que estava sendo estuprada pelo próprio pai há cerca de cinco meses.

"

Nós fomos acionados para o local onde essa mãe disse que estava sendo agredida pelo companheiro, mas lá, sua filha resolveu denunciar para a polícia que era estuprada por ele. A gente levou ela para fazer exame de corpo delito e foi comprovado o estupro. Ela nos relatou que a mais ou menos cinco meses ela estava sofrendo esses estupros enquanto a mãe saía ou ia dormir em outro quarto ele cometia o ato. Ela disse que escondeu com medo porque ela tem outras irmãs menores de idade também e ela ficou com medo dele fazer isso com elas. Assim como ele também ameaçou ela dizendo que se ela fizesse alguma coisa ia matar todo mundo em casa”, informou o comandante Erick.

O acusado foi preso e levado para a Central de Flagrantes. A menor relatou como aconteciam os abusos. “Quando era de noite e minha mãe estava dormindo ele entrava no quarto e começava a tocar no meu corpo, eu ficava pedindo para ele sair, mas ele não saía, ficava me ameaçando que ia brigar com minha mãe se eu não deixasse. Ele entrava as vezes com cheiro de cachaça e cometia o ato praticamente todas as noites. Começou tem cinco meses. Cheguei a pensar em falar para minha mãe ou meu irmão, mas eu sempre ficava com medo, só falei hoje que foi chamada a policia aí me deu coragem para falar. Os abusos aconteciam dentro do quarto, quando eu acordava ele já estava me tocando”, disse ela. A mãe da vítima agora pede justiça pelos crimes. “Ela não demonstrava muita coisa, só demonstrava medo, não queria chamar ele de pai, não queria ficar perto dele. Ele sempre foi muito agressivo, principalmente quando está bebendo ou drogado. Resolvi chamar a polícia porque não aguentava mais. Dei muita chance para ele, mas ele não quis. Agora eu quero justiça, entregar na mão de Deus para ele pagar o que fez”, afirmou.